A arte é bela e a vida sem ela não tem sentido! Existe sensação melhor do que criar?
Quarta-feira, 8 de Agosto de 2007
Compras directas ao Artista

 

Decidi escrever este Post porque acho que deveria esclarecer alguns aspectos do mundo da arte.

Normalmente os artistas vendem a sua obra por intermédio de Galerias de Arte. Fazem-no porque, normalmente, as galerias têm um espaço aberto ao publico e têm uma série de contactos com coleccionadores, investidores, etc...

Querem saber se há vantagens em comprar directamente aos artistas? Existem muitas vantagens. Espero que nenhum galerista esteja a ler isto, e se estiver, que não me interprete mal.

Vou então tentar enumerar algumas vantagens:

 

  1. Estão a apoiar a criação artística . Como o artista não vai pagar comissão à galeria, ganha mais dinheiro que pode investir na criação de novas obras;
  2. Podem comprar ligeiramente mais barato, porque o artista não vai pagar a comissão da galeria (ganha o artista e ganha o comprador);
  3. O artista passa o Recibo, como a galeria ( e pode meter no IRS ou IRC);
  4. Pode fazer encomendas directamente, sem intermediários, ficando o artista com uma ideia mais concreta do que o cliente quer;
  5. Tem garantia, como na galeria (provavelmente mais do que os 2 anos a que a lei obriga);
  6. etc.

Não me estou a recordar de mais nenhuma que seja muito relevante, entretanto vou acrescentando a lista.

Podem perguntar porque decidi falar disto. É muito simples. A maioria das pessoas acha que os artistas estão ricos porque vendem as telas muito caras. Isso é um enorme equivoco (exceptuando os grandes artistas: Paula Rego, Pomar, Resende, Graça Morais, etc). Fiquem a saber que retirando as comissões à galeria, os materiais e o transporte, o artista recebe menos de 50% do valor de venda ao público (sem iva). Desse valor que o artista recebe, ainda tem que pagar IRS e Segurança Social. É uma miséria de lucro. Imaginem uma tela que esteja à venda por 1210€, disto vai retirar-se o iva ( para o estado) e ficam 1000€. Destes mil euros, 50% fica para a galeria. Portanto, de 1210€ o artista só recebe 500€. Desses 500€ vai pagar os materiais e os impostos. A isto tudo agrava-se o facto de haver meses em que se vendem algumas obras e haver outros em que não se vende nada.

Espero que tenham compreendido que se comprarem directamente ao artista, ele vai receber mais um míseros tostões.

 

www.miguelfazenda.com.sapo.pt



publicado por miguelfazenda às 19:39
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Sara V. a 9 de Agosto de 2007 às 01:17
Fiquei a saber umas coisitas, ah, ah!
Olha, também te elogiaram lá no meu blog e eu até agradeci por ti - e por mim!:)
Foi no post da tua exposição.
Beijinho


Comentar post

mais sobre mim
pesquisar
 
Dezembro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

20
21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


posts recentes

Ensaio sobre o Ensino das...

Exposição em Oliveira de ...

Exposições, Exposições e ...

Marina Cruz - Espaço de A...

Exposição de Pintura

arquivos

Dezembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Março 2009

Setembro 2008

Julho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Dezembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

tags

todas as tags

links
Contador
Hit Counter
HTML Hit Counter
blogs SAPO
RSS